O que são lentes de contatos dentais e por que tantos famosos estão usando?

aprenda-saude-gengiva-sangramento-halitose-mau-halito-blog-ortobom-odontologia-curitiba-franquia-dentista
Aprenda tudo sobre a saúde da sua gengiva – evite sangramentos e mau hálito.
16 de agosto de 2017

As ¨lentes de contato dental¨ ou o termo que eu prefiro utilizar: ¨Laminados Cerâmicos¨, são facetas ultrafinas que nada mais são do que finas lâminas de porcelana de cerca de 0,2mm, que é aplicada sobre a superfície do dente para recobrir dentes com manchas, amarelados, levemente desalinhados, dar um maior volume ou melhorar o tamanho e formato e até mesmo fechar espaços entre os dentes, ¨corrigir¨ um sorriso levemente torto sem a necessidade de aparelhos, consertar lascas e imperfeições, criando um sorriso mais branco, atraente e jovial. São assim chamadas por serem extremamente finas assemelhando-se as lentes de contato para olhos.

 

Através de uma criteriosa avaliação e planejamento é possível alterar de forma impressionante o sorriso de uma pessoa e assim, melhorar sua aparência aumentando a sua autoconfiança.

 

A vantagem deste tratamento, que é tão popular atualmente é que o dentista não precisa realizar grandes desgastes das estruturas dentais preservando assim as estruturas naturais. Elas são confeccionadas em um processo delicado e artesanal de escultura, montagem e confecção pois são estruturas de cerca de 0,2mm de espessura. O cirurgião dentista faz uma primeira consulta onde é feita uma análise para avaliar a quantidade de dentes que serão feitos os laminados, a necessidade de algum tratamento prévio e a possibilidade de confecção das lentes.

 

Feito isso, é agendada uma consulta para a primeira moldagem e confecção de um modelo de gesso para estudo e neste mesmo modelo é feito um encerramento diagnóstico para prever o resultado do tratamento. Em uma outra etapa, é feito o ¨mock up¨, através do qual é possível visualizar em boca qual a previsibilidade do tratamento para iniciarem os desgastes (nas lentes de contato este desgaste é mínimo) e moldagem dos dentes que será enviada ao laboratório para confecção das lentes. São feitas uma a uma, fora da boca através de processo laboratorial.

 

A técnica é pouco invasiva e, portanto, altamente conservadora das estruturas dentais naturais.

 

A durabilidade é considerada alta e variável dependendo dos cuidados de higiene e proservação das peças fazendo acompanhamento periódico com o dentista. O tempo de vida varia de paciente a paciente, mas pode durar 10 a 15 anos, ou mais. Em comparação com as resinas compostas elas são muito mais estéticas e duráveis. Fazendo com que você tenha um sorriso de revista e de artista de cinema com um procedimento rápido, simples e conservador.

 

Se o objetivo é a transformação do sorriso, o resultado total só é possível se trabalhar todos os dentes que aparecem quando você sorri. É impressionante a transformação. E nesse caso, um estudo bem detalhado com o Planejamento do Sorriso, é fundamental

.

Autora: Dra Thaise Menezes

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *